Diretrizes

– Coordenar o processo de revisão da política estadual de meio ambiente e recursos hídricos e seus instrumentos.

– Propiciar a adequação ambiental do imóvel rural de forma ágil e eficiente.

– Incentivar e fortalecer a gestão ambiental municipal.

– Avaliar e valorar os ativos ambientais do Estado do Tocantins.

– Consolidar o sistema estadual de gerenciamento de recursos hídricos.

– Promover a recuperação e conservação das bacias hidrográficas e dos sistemas aqüíferos.

– Implementar projetos de adaptação às mudanças climáticas com foco em adequação de infraestrutura social e ambiental.

– Implementar sistema de gestão e manutenção de Unidades de Conservação com retorno financeiro.

– Incentivar a gestão dos resíduos sólidos em parceria com a Secretaria das Cidades e Desenvolvimento Urbano, com suporte na legislação, captação de recursos, capacitação.

– Incentivar e fortalecer as Organizações Ambientais da Sociedade Civil.