Geral 16/02/2021 - 13:12 - Robson Corrêa/Governo do Tocantins

Comitê da Bacia Hidrográfica dos Rios Santo Antônio e Santa Tereza tem nova mesa diretora

Membros do Comitê da Bacia Hidrográfica dos Rios Santo Antônio e Santa Tereza Membros do Comitê da Bacia Hidrográfica dos Rios Santo Antônio e Santa Tereza - Acervo Semarh/Governo do Tocantins

Membros do Comitê da Bacia Hidrográfica dos Rios Santo Antônio e Santa Tereza (CBHSAST), se reuniram extraordinariamente nesta segunda-feira, 15, por meio de plataforma virtual, para eleição da mesa diretora. Os escolhidos no pleito vão exercer o mandato que vai de fevereiro a dezembro deste ano.

Os representantes, eleitos por unanimidade, vão compor os seguintes cargos:  presidente, Maria Cristina Bueno Coelho da Universidade Federal do Tocantins (UFT); vice-presidente, Marilene Alves Ramos Dias (Prefeitura de Gurupi) e secretária executiva, Isabella Monteiro (BRK Ambiental).

“Faremos uma gestão regional trabalhando as realidades dos municípios pertencentes ao CBHSAST (Gurupi, Peixe, Figueirópolis, Talismã, Sucupira, Alvorada, Cariri, Jaú do Tocantins), sobre a temática de recursos hídricos de forma participativa e descentralizada, buscando sempre sustentabilidade nas ações”, destacou a nova presidente eleita, Maria Cristina Bueno Coelho.

Dentre os projetos a serem executados pela nova mesa diretora, está a realização da 2ª edição do Workshop Falacomitê, que tem como objetivo discutir a importância e apresentar as demandas dos municípios dentro do Comitê de Bacias.

Participantes

A eleição contou com representantes da Secretaria do meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semarh); Instituto Federal do Tocantins (IFTO) campus de Gurupi; Prefeituras de Figueirópolis, Peixe, Gurupi, Associação Santa Luzia do Projeto de Assentamento Volta do Rio, Grupo Raiz da Terra – Associação Anjos da Selva, Universidade de Gurupi (UNIRG), UFT e BRK Ambiental.

Comitê de Bacias Hidrográficas

Os Comitês de Bacias Hidrográficas (CBHs) são grupos de gestão compostos por representantes dos três níveis do poder público, usuários da água e sociedade civil. É por meio de discussões e negociações democráticas, que esses comitês avaliam os reais e diferentes interesses sobre os usos das águas das bacias hidrográficas.

As principais decisões tomadas pelo comitê são: aprovar e acompanhar a elaboração do Plano de Recursos Hídricos da Bacia, que reúne informações estratégicas para a gestão das águas em cada bacia, arbitrar conflitos pelo uso da água (em 1ª instância administrativa), estabelecer mecanismos e sugerir os valores da cobrança pelo uso da água.

O Tocantins conta atualmente com cinco CBHs instalados, sendo: Comitê de Bacia Hidrográfica do Lago de Palmas; Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio Formoso; Comitê das Bacias Hidrográficas dos Rios Lontra e Corda; Comitê da Bacia Hidrográfica Manuel Alves da Natividade e o Comitê da Bacia Hidrográfica dos Rios Santo Antônio e Santa Tereza.